20 de ago de 2013

Corpo de motorista morto em acidente na BR-116 é enterrado em Serrinha

Redação Portal Clériston Silva PCS 

Foi sepultado na manhã desta terça-feira, 20, em Serrinha, o corpo de Manassés Lopes de Oliveira, de 33 anos, morto em um acidente na BR-116, próximo ao município de Santa Bárbara, na madrugada de segunda-feira, 19.

Familiares e amigos acompanharam o velório, que começou às 20h de segunda-feira, 19, no templo da Igreja Evangélica Assembléia de Deus de Serrinha.

O corpo ficou no local até as 11h desta terça-feira, 20, quando foi levado para o cemitério paroquial.

De acordo com a família, Manassés havia passado o dia com os dois filhos em um parque aquático na cidade de Pojuca, na região metropolitana de Salvador, e estava retornando para Serrinha. O acidente aconteceu por volta de 00h30.

Ele dirigia um Celta, placa NTO-0538, e bateu de frente com um caminhão baú. Por causa do impacto, o caminhão tombou na pista. O corpo de Manassés ficou preso às ferragens, sendo necessário a intervenção da equipe do Corpo de Bombeiros para fazer o resgate.

As causas do acidente ainda não foram esclarecidas, mas a suspeita inicial é que ele tenha cochilado ao volante. “Eu notei de longe que ele estava ‘comendo facha’. Meu filho também viu, mas quando eu tentei me aproximar para alertá-lo, ele entrou de vez na contramão. Ai não teve mais jeito”, comentou um motorista que vinha logo atrás e presenciou o acidente.

O condutor da carreta sofreu ferimentos leves e permaneceu no local até a chegada da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Ele foi conduzido para prestar esclarecimentos na delegacia de Santa Bárbara.

Manassés Lopes de Oliveira era filho de Otilone Lopes, pastor da Assembléia de Deus e presidente do projeto Monte Moriá Intercessão.

Celta bateu de frente com uma caminhão perto de Santa Bárbara

Nenhum comentário:

Postar um comentário