17 de abr de 2012

MST volta a interditar ferrovia em Queimadas

Redação Portal Clériston Silva PCS

Pela segunda vez em menos de 40 dias integrantes do MST (Movimento dos Trabalhadores Sem Terra) interditaram na tarde desta segunda-feira (16) a Ferrovia Centro Atlântica (FCA), no assentamento Olga Benário, em Queimadas, a 106 quilômetros de Serrinha.

Segundo o blog Pedrolândia News, 250 manifestantes das cidades de Queimadas, Itiúba, Araci, Nordestina, Quijingue e Santaluz pararam uma locomotiva como 44 vagões para cobrar a desapropriação de fazendas improdutivas na região, construção de moradias para pequenos agricultores acampados, instalação de poços de captação de água nos assentamentos, dentre outras reivindicações.

Um dos líderes do MST na região, José Menezes, disse que os trabalhadores estão determinados a permanecer no local até que obtenham uma resposta.

Entre outras reivindicações os manifestantes cobram a desapropriação de fazendas improdutivas

Foto: Fabricio Silva

Um comentário:

  1. Fazer manifestações responsáveis sou a favor, mais vandalismo não. E estas cem terras só sabem atrapalhar quem quer trabalhar. Muitos não precisam de terra.

    ResponderExcluir