23 de abr de 2012

Balconista é preso por estuprar filha de 2 anos em Feira de Santana

Redação Portal Clériston Silva PCS 

Um balconista foi preso em flagrante sob acusação de ter abusado sexualmente da filha de apenas dois anos de idade. A prisão de Anailton Santos de Jesus, 32 anos, ocorreu depois de médicos de Feira de Santana, a 67 km de Serrinha, terem constatado um sangramento contínuo na genitália na menina.

Ele foi autuado em flagrante, no domingo (22), pela delegada Márcia Pereira, titular da Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI). Ao ser interrogado, ele admitiu a violência sexual, declarando que, vinha abusando da criança há pelo menos uma semana, introduzindo dois dedos na vagina da filha enquanto se masturbava.

O crime era praticado na residência da família, no bairro Grabiela II, em Feira. Segundo a Polícia Civil, na noite de sábado (21), ele violentou a filha, que começou sangrar e foi levada a uma clínica particular no centro da cidade.

Os médicos perceberam a vagina inflamada da menina e acionaram o Conselho Tutelar, que procurou o posto da DAI, instalado no circuito da micareta. As delegadas Márcia Pereira e Claudine Passos, da Delegacia Territorial (DT/São Gonçalo dos Campos), foram até o local e conduziram os pais da garota até a delegacia. 

Depoimento da mãe e tia - Segundo a assessoria da Polícia Civil, uma tia da menina, que cuidava dela enquanto a mãe trabalhava, também foi ouvida e afirmou que, apesar de notar os ferimentos, não imaginou que a criança vinha sendo abusada sexualmente. A mãe da menina também alegou que não sabia dos abusos.

A delegada Márcia Pereira informou que se ficar comprovado que a mãe sabia dos abusos e não denunciou, ela irá responderá por co-participação em estupro de vulnerável.

Anailton trabalhava em uma farmácia no centro da cidade há 17 anos, era casado há seis e o casal não tem outros filhos. Ele ficará custodiado na unidade especializada, aguardando transferência para o sistema prisional.

Foto/Reprodução: Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário