26 de set de 2013

Acajutiba: Ex-vereador Cocó é condenado por criar 'sessão fantasma' para prejudicar aliado

Redação Portal Clériston Silva PCS 

O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Acajutiba, município do nordeste baiano, a 160 km de Serrinha, Cosme Dantas de Souza, o "Cocó" (PTC), foi condenado a dois anos e oito meses de prisão, substituídos por prestação de serviços à comunidade e multa, por falsidade ideológica. Segundo a sentença, ele "falsificou documentos" em 2012 para publicar no Diário Oficial uma sessão da Casa Legislativa que não existiu.

A "sessão fantasma" desaprovava as contas de 2004 do ex-prefeito e candidato novamente ao posto José Luiz Mendes Brito, seu colega de partido. Cocó é casado com a então candidata a vice-prefeita pela chapa de oposição a Brito, Aldaci Lima de Souza.

Na decisão, feita a partir de denúncia impetrada pelo Ministério Público da Zona Eleitoral da cidade de Esplanada, a juíza Marina Kümmer de Andrade fundamenta que "nunca houve sessão legislativa cuja pauta fosse a aprovação das contas em tela, bem como não houve elaboração de parecer pela Comissão de Orçamento, Finanças e Contas". "A desaprovação das contas teria o condão de gerar indeferimento do registro de candidatura de José Luiz Mendes Brito. [...] A finalidade da falsidade do documento público em comento era especificamente eleitoral, vista a afastar a candidatura de José Mendes em benefício da chapa oponente da qual a esposa do réu faz parte", argumentou a magistrada. Ela também pede que o processo seja encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) para que sejam adotadas providências relativas à suspensão dos direitos políticos do trabalhista cristão. O ex-vereador pode recorrer à determinação.

O site Bahia Notícias entrou em contato com Cocó, mas as ligações não foram atendidas ou retornadas. A música de espera do celular do condenado, no entanto, é o sucesso "Eu quero ver você correndo atrás de mim", da banda Aviões do Forró. Não se sabe se a trilha sonora é incidental ou se ele decidiu expor os seus sentimentos através da mensagem eletrônica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário