4 de jul de 2016

Euclides da Cunha: Médico de hospital é agredido por parentes de paciente

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Um médico foi agredido fisicamente por dois homens ao fazer plantão no Hospital Municipal Antônio Carlos Magalhães, em Euclides da Cunha, na noite do dia 27 de junho.

Segundo sites de notícias da região, os agressores chegaram ao hospital para visitar o irmão que estaria internado e, por estarem fora do horário previsto para visitas, agrediram verbalmente a enfermeira de plantão. O médico acionou a polícia após o ocorrido e foi agredido fisicamente pelos irmãos.

O médico moveu uma representação criminal contra os agressores, que compareceram na 1ª DT/Euclides da Cunha. Já que não houve prisão em flagrante, os irmãos foram liberados após terem sidos inquiridos e vão responder em liberdade até o julgamento na Justiça.

Segundo o laudo pericial, o médico teve escoriações e lesões nas orelhas, virilha e região lombar provocados por objeto perfuro-cortante.

O Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindmed-BA) encaminhou ofícios para o Hospital Português, que cuida da gestão do hospital, para a Secretaria de Segurança Pública do Estado, a Prefeitura de Euclides da Cunha e o Comando da Polícia Militar da região, solicitando segurança armada no local.

Nenhum comentário:

Postar um comentário