8 de jul de 2016

Assaltantes que balearam investigador em Alagoinhas são presos

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Já estão presos os dois autores do assalto a uma barbearia, no Jardim Petrolar, em Alagoinhas, ocorrido na noite de quinta-feira (7), e que deixou ferido o investigador da Polícia Civil, Joseval da Silva Moitinho, de 47 anos, baleado numa troca de tiros, quando tentava impedir a fuga dos ladrões.

Portando um revólver de calibre 38, Jonathas Luiz da Silva Cerqueira, 20, e Marcelo Santana de Souza, 24, entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto. Em seguida, fugiram levando celulares, um tablet, relógios e dinheiro subtraído do caixa e dos clientes.

Joseval, que é lotado na Delegacia Territoral (DT), de Catu, e estava na barbearia, saiu em perseguição aos ladrões até o terreno de uma casa abandonada, onde houve troca de tiros. No confronto o investigador foi atingido e baleou Jonathas.

Uma guarnição do 4º Batalhão da Polícia Militar (BPM) impediu que Jonathas fosse linchado por populares. Os PMs acionaram o SAMU que socorreu os dois feridos para o Hospital Regional Dantas Bião, em Alagoinhas.

Marcelo foi localizado e preso, poucas horas depois, no bairro Lagoa da Feiticeira, durante diligências da 2ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), ambas sediadas em Alagoinhas. Com ele foi apreendida uma metralhadora 9 mm e um Fiat Uno, roubado no dia anterior.

Autuados em flagrante por roubo e porte ilegal de arma, Marcelo já está na carceragem da Delegacia Terrotorial (DT/Alagoinhas), enquanto Jonathas encontra-se custodiado no Hospital Dantas Bião, aguardando alta médica. Os pertences recuperados já foram devolvidos às vítimas, inclusive o celular e a carteira do investigador.

Jonathas Luiz foi baleado logo após o assalto, durante uma tentativa de fuga
Metralhadora foi encontrada com Marcelo Santana

Com o suspeito baleado a polícia encontrou um revólver calibre 38

Nenhum comentário:

Postar um comentário