31 de out de 2013

Com megafone, grupo se passa por polícia e assalta família, diz PRF

Redação Portal Clériston Silva PCS 

Uma família foi abordada por assaltantes enquanto trafegava na noite de quarta-feira (30), na BR-116, no trecho próximo ao município de Itatim, distante 180 quilômetros de Serrinha . De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), usando uma sirene da polícia acoplada ao carro e um megafone semelhante ao utilizado por policiais, o grupo abordou as vítimas, um casal e duas crianças, e os levou para um matagal.

"Eles [bandidos] estavam em um veículo parado em uma pista transversal na BR-116 quando o veículo da família, um Toyota, passou. A partir daí começaram a seguir eles. Eles estavam com uma sirene, se passando por policiais. Em um trecho usaram o megafone pra falar eles. Falaram que era polícia e que era para parar o veículo", descreve o policial rodoviário Carlos Carneiro.

Segundo a polícia, quando as vítimas pararam o veículo, os bandidos anunciaram o assalto. Três deles entraram no carro da família e conduziram o grupo até a BR-242. "Chegando lá eles entraram em uma estrada vicinal, na altura do km-148. Entraram por cerca de 1km e quando chegou em um matagal fizeram uma limpa geral no carro deles. Levaram vários objetos, o carro e deixaram eles lá", acrescenta o policial.

A família voltou andando para a estrada e pediu carona a um caminhoneiro até o posto da PRF. De acordo com a polícia, um outro grupo de assaltantes em um terceiro carro participou do assalto. "Ao todo, eram cinco homens. O chefe deles estava sem capus e os outros mascarados. A família disse que momentos antes tinha parado em um posto de gasolina para lanchar. Parece que já tinha um veículo deles [assaltantes] lá, que informou ao outro grupo que estava na BR sobre eles", afirma Carneiro.

De acordo com a polícia, mesmo com o susto, ninguém ficou ferido. A família era de São Paulo e estava indo para Stella Maris, bairro na orla de Salvador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário