21 de mar de 2014

Mulher de 71 anos é presa acusada de matar namorado de 40

Redação Portal Clériston Silva PCS

Uma idosa de 71 anos está presa na Delegacia de Barreiras, acusada de matar o namorado de 40 anos. O crime aconteceu na última quinta-feira (20), no povoado de Vila Nova, em São Desidério, na região oeste da Bahia.

De acordo com investigações preliminares feitas pela Delegacia de São Desidério, Nelson Pereira da Silva chegou alcoolizado na casa em que morava com Bertolina Francisca de Souza e começou a discutir com a namorada. Em seguida, os dois começaram a trocar agressões físicas e o lavrador tentou deixar o local em uma moto, mas a idosa agarrou o companheiro pela camisa e não permitiu que ele fosse embora.

A polícia informou ainda que, enquanto agarrava a vítima pela camisa, a idosa pegou um facão e golpeou Nelson na altura da barriga. A vítima morreu no local, sem chegar a ser socorrida.

Poucos instantes após a morte, a polícia recebeu denúncias de vizinhos e chegou ao local. Com um ferimento na mão, Bertolina foi levada para a delegacia local, mas precisou ser encaminhada para o Complexo Policial de Barreiras, onde está presa de forma preventiva, já que São Desidério não possui cela feminina.

Em depoimento na delegacia de Barreiras, a idosa negou o crime e contou outra versão para a morte do namorado. A idosa afirmou que Nelson cortou o dedo dela com um facão e, em seguida, foi para o quintal da casa e cravou a arma na barriga.

O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal de Barreiras e o crime segue sob investigação da Delegacia de Barreiras.

Idosa discutiu com o namorado momentos antes do crime e, irritada, cravou um facão na barriga da vítima

Foto: Alô Alô Salomão

Nenhum comentário:

Postar um comentário