15 de mar de 2014

Comerciante de Serrinha encontra ‘corpo estranho’ em garrafa de Coca-Cola

Redação Portal Clériston Silva PCS

Um comerciante da cidade de Serrinha encontrou um ‘corpo estranho’ dentro de uma garrafa de Coca-Cola. A garrafa de 290 ml estava lacrada e seria vendida em um restaurante da Praça Luiz Nogueira.

O episódio ocorreu no início da semana, mas o dono do estabelecimento procurou o Portal Clériston Silva - PCS – para divulgar o caso nesta sexta-feira (14). Ele pediu para não ser identificado. Segundo o comerciante, está é a segunda vez que ele encontra ‘corpo estranho’ no refrigerante.

De acordo com informações, quem primeiro observou a ‘sujeira’, que parece ser parte da pele de um animal, dentro da garrafa foi o próprio comerciante. Imediatamente, ele a substituiu por outra garrafa e guardou a contaminada com o 'corpo estranho' para análises.

Na manhã deste sábado o Portal Clériston Silva - PCS - conseguiu entrar em contato com a empresa, que solicitou o envio das imagens do produto por e-mail para análise.

Horas depois, a empresa Coca-Cola informou que as fotos enviadas pelo PCS indicam a presença de bolor na garrafa, que pode acontecer quando há perda de vedação, armazenamento incorreto ou exposição ao sol.

A empresa informa ainda que cumpre rigorosamente todas as regras do Código de Defesa do Consumidor, bem como todos os procedimentos determinados pelos órgãos de vigilância sanitária e controle de qualidade na fabricação de seus produtos.

Sujeira foi encontrada dentro de uma garrafa de Coca-Cola

5 comentários: