25 de jul de 2011

Prefeitura de Coité decreta situação de emergência por causa da seca

Em virtude do longo período de estiagem que afeta os municípios da região do sisal, o prefeito Renato Souza, decretou, no último dia 21, situação de emergência no município de Conceição do Coité, a 39 km de Serrinha. O decreto é válido por 90 dias.

Um levantamento do Formulário de Avaliação de Danos (AVADAN), revelou que a zona rural é a área mais afetada pelo efeito da estiagem. No total são cerca de 4 mil cisternas vazias.

Com o decreto, os distritos e povoados continuarão a ser atendidos pelo programa Operação Pipa. Por meio desta ação, implantada e organizada pela Secretaria da Agricultura, a água tratada fornecida pela Prefeitura Municipal é distribuída para as famílias.

Segundo o secretário da Agricultura, José Mário, as perdas na lavoura (feijão e milho) são superiores a 80%. O plantio de mandioca, que é a base da economia dos pequenos agricultores, foi a mais prejudicada com 40% de redução da safra. Ele disse que a última forte precipitação na região ocorreu em outubro do ano passado.

O município encaminhou o laudo dos prejuízos e a cópia do decreto de situação de emergência para a governadoria do Estado. A prefeitura está auxiliando os cerca de 25 mil moradores da zona rural com a limpeza e ampliação de reservatórios e a construção de novas barragens. Segundo o secretário da Agricultura, os pequenos açudes na região estão todos secos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário