23 de jul de 2011

Agência bancária de Adustina é assaltada pela 2ª vez em três meses

A agência do Banco do Brasil da cidade de Adustina, a 190 km de Serrinha, foi assaltada pela segunda vez em três meses. O crime aconteceu na madrugada deste sábado (23). O assalto ocorreu em carros roubados nos povoados de Bananeira e Caruaru.

De acordo com o investigador de polícia Gilberto Menezes, que estava de plantão na delegacia da cidade durante a ação dos bandidos, cerca de oito pessoas participaram do assalto. Menezes conta que dois policiais do Grupamento da Polícia Militar (GPM) tinham acabado de fazer uma ronda de rotina quando ouviram a movimentação do lado de fora. "Eles tentaram ver o que era, mas já foram recebidos com tiros, então tiveram que recuar", relata o investigador. "O grupo estava bem preparado, tinham deixado um carro 'vigiando' o GPM, enquanto o restante assaltava o banco", completa.

Uma pessoa foi feita refém nas proximidades do grupamento e mais duas perto do banco. Na ação, o grupo incendiou uma viatura e mais dois veículos. Eles também tentaram assaltar a uma casa lotérica, mas não tiveram êxito.

Reforço policial - Ao perceber o assalto, os policiais acionaram o reforço das delegacias da região, a exemplo de Cipó, Ribeira do Pombal, Cícero Dantas e Jeremoabo. Os assaltantes conseguiram fugir levando todo o dinheiro do caixa que arrombaram.

Na fuga mais três pessoas foram feitas reféns no povoado de Bananeira. Logo depois, um dos reféns foi liberado na região e o restante em Cícero Dantas. Um deles já foi ouvido pela polícia.

Segundo Menezes, a polícia não acredita que o grupo seja o mesmo que assaltou o banco no último mês de abril. "A atuação foi diferente", justifica. As delegacias da região estão colaborando com as buscas dos suspeitos. Ninguém foi preso ainda.

Três carros que estavam em frente a base da polícia militar foram incendiados

Foto: Rede Nordeste Adustina

Nenhum comentário:

Postar um comentário