6 de nov de 2016

Suspeito de tráfico é morto em confronto com policiais da CETO em Lamarão

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Um homem suspeito de tráfico de drogas foi morto durante uma troca de tiros com policiais da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) na noite deste sábado (5), no município de Lamarão, a 18 km de distância de Serrinha. O fato aconteceu por volta das 21h.

De acordo com a PM, o suspeito, identificado como Laerte da Silva Muti Filho, de 29 anos, conhecido pelo apelido de ‘Leozinho’, abriu fogo contra a guarnição que apurava uma denúncia de tráfico de drogas no povoado do Veludo. No revide, Laerte acabou sendo baleado e não resistiu aos ferimentos.

O suspeito estava com uma pistola PT-57 calibre 7,65, carregador com munições, além de 38 porções de maconha e um tablete da mesma droga. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Serrinha. O suspeito possuía anotações criminais por tráfico de drogas, formação de quadrilha e porte ilegal de arma de fogo e era investigado por suspeita de participação no assassinato do delegado Clayton Leão Chaves.

Morte de delegado - O delegado Clayton Leão Chaves foi morto na manhã do dia 26 de maio de 2010, na estrada da Cascalheira, via de ligação entre a Linha Verde e a cidade de Camaçari (BA).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP) da Bahia, no momento do crime, o delegado concedia entrevista aos radialistas Marco Antônio Ribeiro e Raimundo Rui, da Rádio Líder FM de Camaçari. O delegado tinha parado o veículo para falar ao celular. Neste momento, um grupo de homens armados, em outro carro, se aproximou e começou a atirar contra Leão.

O policial chegou a ser levado ao Hospital Geral de Camaçari, mas morreu após receber os primeiros cuidados médicos. Ele foi atingido por dois tiros na cabeça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário