26 de set de 2014

Homem é preso por tentar extorquir ex-prefeito de Jaguaquara

Redação Portal Cleriston Silva PCS 

Maurício dos Santos, o Budel, 30 anos, foi preso acusado de tentar extorquir Aldemir Moreira, ex-prefeito de Jaguaquara, cidade a 289 km de Serrinha. Budel foi preso no bairro de Fazenda Grande I, na capital baiana, flagrado com dez trouxas de maconha.

As investigações do caso começaram em 18 de setembro, quando Aldemir registrou queixa no Grupo Especializado de Repressão aos Crimes por Meio Eletrônico (GME) dizendo que dois dias antes um criminoso, na época não identificado, ligou para seu celular e ameaçou matar seus familiares caso não depositasse R$ 20 mil em uma conta bancária fornecida por ele. Mensagens de texto com ameaças se seguiram. Budel chegou a diminuir o valor para R$ 3 mil, mas não foi atendido.

O celular do ex-prefeito foi periciado e por meio de uma foto usada em uma conta no WhatsApp, o GME conseguiu uma pista sobre o criminoso. Ao investigar a conta bancária indicada pelo bandido, a polícia descobriu que era de um amigo do traficante. O titular da conta foi chamado a depor e disse que informou seus dados bancários a Budel porque esperava receber dele um dinheiro que este lhe devia.

O amigo também disse que Budel estava em Fazenda Grande I. Preso, o traficante confessou que encontrou o nome e número do telefone do ex-prefeito em um celular usado que comprou de um desconhecido. Ele então pesquisou na internet e descobriu que Aldemir era ex-prefeito e resolveu praticar a tentativa de extorsão.

O suspeito foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. A polícia investiga se ele tentou também extorquir outras pessoas cujos nomes estão na agenda do celular, que foi apreendido.

Clique na imagem para ampliar

Nenhum comentário:

Postar um comentário