18 de set de 2014

Edylene Ferreira defende criação de espaço para a prática do ciclismo em Serrinha

Redação Portal Cleriston Silva PCS 

A atividade do ciclismo parece atrair mais serrinhenses a cada semana. Já é comum ver ciclistas percorrendo as avenidas da cidade como a Manoel Novais, Lauro Mota e Antônio Carlos Magalhães. Normalmente sempre andam em grupos e a distância parece ser o menor dos obstáculos para tais esportistas.

Com o objetivo de difundir a prática do ciclismo e incentivar o esporte na cidade de Serrinha, a presidente da câmara, vereadora Edylene Ferreira (PV), solicitou através da indicação nº 101/2014 que a prefeitura viabilize um local adequado para os amantes do pedal, bem como a doação de bicicletas. A indicação foi apresentada na pauta da 10ª sessão ordinária, realizada na noite de terça-feira (16).

Edylene lembrou que a prática de pedalar por lazer esportivo ou mesmo apenas para se locomover pela cidade gera muitos benefícios saudáveis ao praticante. “O condicionamento corporal e os benefícios da saúde são os principais atrativos para as pessoas que o procuram, sendo que hoje, o esporte já é usado em tratamentos de reabilitação física e na socialização de pessoas”, disse.

No entanto, é errado achar que o ciclismo é um esporte que trabalha unicamente músculos. Estudos provam que a mente está constantemente interligada na prática da atividade. Esse é um dos motivos que torna andar de bicicleta um esporte praticamente completo. Quem anda bastante de bicicleta adquiri concentração, percepção visual e raciocínio mais cognitivos.

Já os benefícios corporais são variados. O esporte ajuda na perda de peso e a na rigidez muscular por proporcionar grandes quantidades de calorias queimadas. Os vícios de postura também acabam sendo alterados graças à constante movimentação do esqueleto que auxilia na sua correção. Até mesmo a altura é favorecida a partir dos estímulos gerados na glândula Hipófise, responsável por vários hormônios corporais indispensáveis ao metabolismo, inclusive do crescimento.

“A bike muda a pessoa" diz Rogério Souza, representante comercial e atleta de ciclismo. “Porque não andar de bicicleta? As pessoas andam quando são crianças e param sem motivo. Andar de bicicleta possibilita um novo grupo de amizades e causa uma mudança no estilo de vida nas pessoas. Há casos de pessoas abandonarem vícios como fumar e beber em favor do esporte" comenta Rogério.

Rogério parabenizou a iniciativa da vereadora Edylene Ferreira e incentivou todos os serrinhenses à prática do esporte, inclusive as mulheres que são mais reservadas. “Nós precisamos de incentivos para conseguir cada vez mais adeptos do pedal. Temos amigas da região que pedalam conosco, mas em Serrinha ainda está difícil de conseguirmos adeptas”, comenta.

Apesar do número de adeptos subir a cada ano, o esporte ainda sofre com problemas de infra estrutura na cidade. Quase nenhuma rua é apropriada para o uso de bicicleta. A única via exclusiva para ciclistas é usada como estacionamento de veículos na Praça Morena Bela. Faltam calçadas adequadas e ruas planejadas para tal prática. Além disso, os motoristas de automóveis contribuem bastante com a falta de respeito no trânsito.

“Serrinha é uma cidade perfeita para o ciclismo, mas tem zero em infraestrutura e respeito. Devemos pensar naqueles que optaram pela prática por estilo de vida”, afirma Rogério.

Clique na imagem para ampliar

Um comentário:

  1. em serrinha existe uma ciclovia ao redor da morena bela mas não é respeitada, pois que está utilizando são as motos e os carros, ou a sinalização está errada?

    ResponderExcluir