19 de jul de 2015

Agências bancárias ficam destruídas após serem explodidas em Muritiba

Redação Portal Cleriston Silva PCS 

Duas agências bancárias do município de Muritiba, a km 131 de Serrinha, ficaram completamente destruídas após um grupo com cerca de 15 homens explodir os terminais de autoatendimento das agências da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil.

O caso aconteceu na madrugada deste sábado (18), por volta das 3h. Segundo informações da 27ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cruz das Almas), os suspeitos estavam fortemente armados, com uma grande quantidade de dinamite e fuzis, e chegaram ao local a bordo de três veículos.

Após o crime, o grupo conseguiu fugir do local em direção à BR 101. "Acreditamos que essa é a mesma quadrilha que já arrombou diversas agências bancárias na região de Cruz das Almas", informou.

Ronda bancária - Equipes da 27ª CIPM faziam a ronda bancária na região e foram acionadas, mas não conseguiram dar reforço à polícia local porque se encontravam nas proximidades do município de Governador Mangabeira, distante a 10 quilômetros de Muritiba.

"Acreditamos que as guarnições podem estar sendo monitoradas por essas quadrilhas, já que mesmo com a relização das rondas bancárias durante todas as madrugadas, os criminosos continuam agindo", disse Eliel Batista Lopes.

O coordenador informou ainda que testemunhas garantem ter visto os suspeitos dirigindo em direção à Muritiba minutos após as guarnições da ronda bancária se dirigirem à Governador Mangabeira. "Um morador disse que logo depois que nós passamos, eles saíram em direção à cidade. Por pouco não houve confronto", informou.

"É necessário um investimento urgente na inteligência policial, já que só o so policiamento ostensivo não está resolvendo a situação", analisa Lopes.

A Polícia Militar fez rondas durante toda a madrugada, indo até o município de Conceição de Feira em busca dos suspeitos. Contudo, até o final da manhã deste sábado, por volta das 12h30, ninguém havia sido preso. Ainda não há informações sobre a quantia exata que foi levada pelos criminosos.

Autoatendimento da agência do Banco do Brasil ficou destruído

Cerca de 15 homens participaram da ação, diz polícia

Nenhum comentário:

Postar um comentário