18 de jul de 2013

Jaguaquara: Médico de Feira de Santana emprestou Cremeb para estudante de medicina

Redação Portal Clériston Silva PCS 

O médico de Feira de Santana Daniel Rui Diniz dos Santos compareceu, na tarde desta quarta-feira (17), à Delegacia de Polícia (DP) de Jaguaquara, no sudoeste baiano, para prestar depoimento no inquérito que apura o exercício ilegal da profissão de um suposto estudante de medicina, preso no último dia 6 de julho.

O falso médico, que atendia no hospital municipal da cidade, utilizava o registro do Conselho Regional de Medicina da Bahia (Cremeb) de Daniel Rui, que informou à delegada Maria do Socorro “ter emprestado” o documento de identificação profissional para Acácio Júnior, que é seu amigo. Segundo o médico, ele não tinha conhecimento do uso do documento para exercício da profissão ilegalmente e emprestou após o Acácio informar que conseguiria recursos para a unidade médica em que atuava.

Ao ser preso, o falso médico, que é do Tocantins, disse estar cursando o último ano de medicina em uma faculdade de Salvador – o nome da instituição de ensino superior não foi informada. O suposto universitário foi autuado por falsidade ideológica e exercício ilegal da profissão, mas já foi liberado após pagar fiança.

Segundo reportagem do Blog do Marcos Frahn, Daniel Rui Diniz, ao deixar a cadeia, Acácio Júnior, que também atuava em Ubaíra, pediu desculpas aos pacientes e prometeu retornar a Jaguaquara logo após concluir o curso para trabalhar voluntariamente durante seis meses, “como forma de pagar pelo erro cometido”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário