18 de jul de 2013

Afastamento do juiz do caso Monte Santo é prorrogado por mais 90 dias

Redação Portal Clériston Silva PCS 

O afastamento do Juiz Luiz Roberto Cappio foi prorrogado por mais 90 dias em julgamento nesta quarta-feira (17), segundo o Tribunal de Justiça da Bahia. O afastamento é decorrente da prorrogação da sindicância que investiga as ações do juiz.

Ele ficou conhecido depois de determinar a volta das crianças de Monte Santo adotadas por famílias paulistas. O juiz foi afastado de maneira cautelar em abril deste ano, também por 90 dias, prazo que se esgotou hoje.

Ao final do novo prazo, o TJ-BA deve tomar uma nova decisão referente ao magistrado. A solicitação do afastamento foi feita pelo Ministério Público da Bahia por supostos problemas de relacionamento do juiz com promotores, delegados e outros servidores da Justiça, além da baixa produtividade do magistrado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário