19 de mai de 2015

Como em Serrinha, alunos de Feira de Santana assistem aulas com guarda-chuvas abertos

Redação Portal Cleriston Silva PCS 

Depois do protesto de alunos da Escola Maria Dalva de Oliveira, no distrito de Bela Vista, em Serrinha, que assistiram às aulas segurando guarda-chuvas abertos dentro das salas por conta das muitas goteiras na escola [ver matéria], estudantes do Colégio Estadual Luiz Viana Filho, localizado em Feira de Santana, também precisaram abrir guarda-chuvas dentro da unidade escolar para se proteger da água que caia pelas goteiras no telhado nesta segunda-feira (19).

A situação se agravou após a forte chuva que atingiu a cidade nos últimos dias. De acordo com a Secretaria de Educação do Estado da Bahia, a situação foi notada em diversos pontos da escola. Em nota, a secretaria explicou ainda que a goteira aconteceu devido ao deslocamento das telhas durante a chuva e a ventania.

Uma equipe técnica ao local para providenciar a manutenção do telhado. Nenhuma aula foi suspensa por conta do problema nem do reparo.

Em Serrinha, a prefeitura informou que a Escola Maria Dalva de Oliveira será submetida a uma reforma geral em toda a sua estrutura física. O órgão não informou a data de realização dos reparos, mas garantiu que ‘já está tomando as devidas providências’.

Unidade também sofre com infiltrações na laje

Nenhum comentário:

Postar um comentário