23 de mar de 2011

Professor de artes marciais é preso em Araci acusado de pedofilia

Na casa do professor a polícia encontrou fitas de vídeo e revistas pornográficas, celular, e uma arma de brinquedo.

Está preso na carceragem da delegacia de Araci, sertão baiano, a 42 km de Serrinha, o professor de artes marciais Irailson Oliveira de Santana, de 33 anos. Ele foi detido por policiais da delegacia da cidade depois que foi feita uma denúncia de pedofilia contra o professor, na noite da última segunda-feira, 21.

De acordo com o agente Ricardilson Souza, a menina, de sete anos, postou uma mensagem na página do professor dizendo que o odiava, pois ele havia destruído sua vida. O recado foi visto por uma amiga da mãe da criança no estado de São Paulo. A mulher entrou em contato com a amiga e contou o que estava acontecendo. “A mãe perguntou para a menina e ela contou o que acontecia, que Irailson mostrava filmes pornôs para as crianças e tentava manter relações com elas”, explicou o agente. O acusado era professor de uma turma com vinte alunos.

Depois da primeira denúncia, a equipe de investigação da delegacia encontrou outras sete meninas que também teriam sido abusadas pelo professor. Seis crianças já foram ouvidas pela delegada Maria Clécia Vasconcelos e pelo Conselho Tutelar da cidade. “Ainda estamos investigando, mas há possibilidade de que mais crianças tenham sido vítimas dos abusos, inclusive meninos”, contou Souza.

Com o professor a polícia encontrou fitas de vídeo e revistas pornográficas, celular, e uma arma de brinquedo. Irailson está preso em Araci e permanece à disposição da Justiça. Segundo o agente Souza, em breve deverá ser transferido para o Presídio de Segurança Máxima de Serrinha (cebolão). O caso segue sob o comando da delegada titular de Araci, Clécia Vasconcelos.

A cobertura completa nesta quinta-feira (24) na Continental as 06h30m

2 comentários:

  1. quando ouvi isso chorei muito pq tem dois filha ,e penso o que eu fazia como este safado eu mesmo matava ele

    ResponderExcluir