14 de jan de 2011

Integrantes do MST invadem e ocupam Prefeitura de Água Fria

Trezentas famílias, de acordo com a coordenação dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), estão acampadas na Prefeitura de Água Fria (a 42 km de Serrinha). Eles tomaram a sede do Executivo no amanhecer desta quinta-feira, 13, e devem permanecer até esta sexta 14, quando está prevista uma audiência, às 8h, com o prefeito Adailton Leão.

A maioria dos manifestantes vive no assentamento Menino Jesus, a 18 km da sede do município. O assentamento existe há 11 anos e abriga 212 famílias, que moram em casas construídas por meio de programas do governo federal. Mas carece de serviços básicos, que estão sendo reivindicados pelo MST.

Como o movimento está em campanha por melhorias na Educação, uma das principais solicitações é a construção de uma creche, pois o assentamento só tem escola para crianças a partir de 6 anos, quando iniciam o ensino fundamental.

“A nossa pauta de reivindicações basicamente é a mesma de 2009 e 2010. Viemos das outras vezes com poucas pessoas, apresentamos os pedidos em reunião com o prefeito, mas não foram atendidos. A boa vontade ficou no ‘tapinha nas costas’”, criticou Clésio Marques, membro da direção estadual do MST.

Nenhum comentário:

Postar um comentário