4 de dez de 2017

Suspeito grava áudio ameaçando policiais após morte de comparsa em Conceição do Coité; ouça

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Um áudio com ameaças às forças de segurança do Território do Sisal é alvo de investigação da polícia. O Portal Cleriston Silva - PCS - teve acesso com exclusividade ao conteúdo da gravação. Nela, um suspeito revela ser integrante da facção criminosa CP (Comando da Paz), anuncia represálias e faz ameaças a policiais.

O autor da gravação faz referência à morte do suspeito de tráfico de drogas “Galo Doido”, que tombou em confronto com policiais militares da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) e Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE Nordeste), na noite de sexta-feira (1º), no bairro da Pampulha, em Conceição do Coité.

“Eu tô na onda mais os pivete aqui na laje [sic], na disposição agora de matar ou morrer. Não aguento mais ver meus irmãozinhos morrendo não. As ‘puta’ tá matando mesmo, os caras tá morrendo com as peça na mão e não tá dando tiro nas ‘puta’ [sic]. Tá todo mundo chorando lá em baixo, na Pampulha”.

Ele continua a gravação dizendo: "Eu vou morrer trocando, porque eu sou desgraçado, sangue no olho. Já falei, vou morrer trocando”.

Com orgulho o suspeito revela que possui uma pistola .40 e diz que a ordem é matar atirando na direção da cabeça dos policiais. “Tô aqui com minha quarenta na mão, os três pentes, fora a munição. A gente vai largar mesmo nas ‘puta’, agente só vai atirar na direção da cabeça deles [sic]. Vou até o fim parceiro, porque sou homem, aqui é CP na veia”.

Segundo fontes do Portal Cleriston Silva, o jovem que supostamente teria gravado as ameaças já foi identificado e seria morador do bairro do Cruzeiro, em Conceição do Coité. (Ouça o áudio abaixo)



Morte de suspeitos - Recentemente vários suspeitos de crimes foram mortos em confrontos com a polícia na Região do Sisal. Entre terça-feira (28) e sexta-feira (1º), quatro criminosos morreram após trocarem tiros com a Polícia Militar na cidade de Conceição do Coité. No dia 31 de outubro, dois homens suspeitos de integrarem uma quadrilha de tráfico de drogas foram mortos em outro tiroteio na cidade.

Outro suspeito de integrar uma quadrilha de tráfico foi baleado no dia 14 de novembro durante troca de tiros com uma guarnição do 2º Pelotão em Biritinga. Em Teofilândia, um casal que estava traficando drogas e aterrorizando moradores da zona rural do município morreu em uma troca de tiros com policiais da CETO no dia 19 de novembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário