12 de ago de 2016

Suspeitos de roubar carro a mando de traficante são presos em Serrinha

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Policiais da Companhia de Emprego Tático Operacional (CETO) do 16º Batalhão de Polícia Militar (BPM) prenderam, na manhã desta quinta-feira, 11, em Serrinha, três homens suspeitos de envolvimento em um roubo de veículo. Na ação, os policiais apreenderam um adolescente que estava com o grupo.

De acordo com o boletim de ocorrência registrado na delegacia do município, uma guarnição fazia uma fiscalização de rotina na madrugada de quinta-feira, na BR-116, nas proximidades do posto de combustíveis Guanabara, quando avistaram dois homens em uma Fiat Siena, de cor preta, placa NZC-3589, licença de Salvador, com restrição de roubo. A dupla desobedeceu a ordem de parada da polícia, dando início a uma perseguição. Depois de 15 minutos de perseguição, os suspeitos abandonaram o veículo na altura do município de Teofilândia, a 25 km de Serrinha, e se embrenharam no mato.

No início da manhã, os policiais foram alertados que dois suspeitos estariam embarcando em uma van do transporte alternativo na zona rural de Teofilândia com destino à cidade de Serrinha. Os PMs interceptaram o veículo na região do restaurante Rancho Catarinense e deram voz de prisão à Daniel de Oliveira Neres, de 18 anos, Lucas Santos Silva, de 35, e M. C. C., de 17. Com eles, a polícia encontrou duas armas de brinquedo. Na delegacia, os suspeitos confessaram o roubo e revelaram que o veículo havia sido “encomendado” por um traficante de Serrinha identificado como “Mangaba”, que cumpre pena na penitenciária Lemos Brito, em Salvador.

O veículo, segundo a polícia, seria entregue a Igor Souza Santos, de 36 anos, morador do bairro da Bomba, em Serrinha, cunhado do traficante preso. Igor foi preso e conduzido, juntamente com os outros suspeitos e o carro roubado, à Delegacia da Polícia Civil, que ratificou o flagrante. As informações e fotos são do repórter Renny Maia.

Veículo teria sido "encomendado" por traficante de Serrinha

Nenhum comentário:

Postar um comentário