16 de ago de 2016

Adriano Lima registra candidatura e declara R$ 639 mil em bens

Redação Portal Cleriston Silva PCS

O candidato do PMDB à prefeitura de Serrinha, Adriano Lima, apresentou nesta segunda-feira (5) o pedido de registro de candidatura ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Na disputa pelo Poder Executivo, o médico oftalmologista declarou que irá gastar até R$ R$ 108 mil na campanha. O PMDB fez coligação com os partidos PMDB, DEM, PSDC, PP, PPS, PHS, PMB, PV, SD, PSDB, PT do B e PSD.

Adriano é o segundo candidato a pedir registro ao TSE e declarou patrimônio de cerca de R$ 639 mil, que corresponde a trinta cavalos quarto de milha, dois veículos, plano de previdência privada, consórcio e saldo em conta-corrente no montante de R$ 89 mil. O valor declarado é inferior ao patrimônio dele em 2012, quando disputou a prefeitura pela primeira vez. Na ocasião, ele disse ter R$ 796 mil.

Já o candidato a vice, Berg da Aragon (PMB), declarou possuir R$ 603 mil. O bem de maior valor declarado pelo postulante a vice-prefeito é um prédio de três pavimentos na Rua Araújo Pinho, R$ 125 mil.

Veja a lista de bens do candidato Adriano Lima

UM VEÍCULO MARCA NISSAN, TIPO LIVINA, ANO DE FABRICAÇÃO 2010, MODELO 2011
R$ 67.810,58

CONSÓRCIO EM CARTA DE CRÉDITO DE IMÓVEL NÃO CONTEMPLADO
R$ 71.235,27

DEPÓSITO NO BANCO DO BRASIL
R$ 89.617,12

BRASIL PREV. VGBL
R$ 6.892,50

PROPRIEDADE DE 30 CAVALOS QUARTO DE MILHA
R$ 360.000,00

UM VEÍCULO MARCA HYUNDAY, TIPO AZERA, ANO 2009
R$ 43.500,00

Um comentário:

  1. Os bens do político já não importa quando a questão é: caráter, personalidade e honestidade.

    ResponderExcluir