18 de ago de 2016

Em Serrinha, homens, pardos e casados são maioria entre candidatos

Redação Portal Cleriston Silva PCS

A temporada de "caça aos votos" começou na última terça-feira, 16. A partir de agora, as ruas da cidade serão invadidas por centenas de faixas, bandeiras e de materiais típicos de campanha, como santinhos e panfletos, mudando assim a rotina dos serrinhenses. Nestas eleições, 249 candidatos a vereador e três candidatos a prefeito disputam a preferência do eleitorado do município. Isso a maioria dos eleitores já sabe. Agora, o que pouca gente conhece é o perfil desses candidatos. Qual o nível de escolaridade e qual é a profissão que a maioria dos candidatos de Serrinha exerce? Quantos deles são casados? Todas essas perguntas são respondidas através de um levantamento que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) fez de todos aqueles que concorrem a um cargo público na cidade.

Através da página do tribunal na internet (www.tse.gov.br), o Portal Cleriston Silva - PCS - pesquisou o perfil dos candidatos do município, consultando desde o nível de escolaridade até a profissão e o estado civil daqueles que disputam um cargo nestas eleições. Relacionando os dados do TSE, podemos traçar, por exemplo, um raio-x daqueles que disputam uma vaga na Câmara em Serrinha. A maioria dos candidatos a vereador da cidade é do sexo masculino, cursou o ensino médio, possui entre 45 e 49 anos e é casado. Os pardos somam 55% do total de candidatos, os negros são 25% e os brancos somam 19%.

Segundo o levantamento do tribunal, quanto à escolaridade, a maior parte dos 249 candidatos que disputam uma vaga na Câmara de Serrinha possui ensino médio. São 128 (50,20%) que têm o antigo segundo grau completo e 11 (4,31%) que não concluíram. Além disso, 39 (15,29%) candidatos cursaram o ensino superior, 15 (5,88%) estão cursando o ensino superior, 32 (12,55%) possuem ensino fundamental e 29 (11,37%) não concluíram o curso primário. Apenas um candidato não definiu seu nível de escolaridade.

Já entre os três candidatos que concorrem à prefeitura de Serrinha, dois deles, Claudionor Ferreira (PR) e Adriano Lima (PMDB), possuem ensino superior. O outro, Gerson das Fitas (PSOL), possui ensino médio completo.

PROFISSÕES - O TSE também revela a profissão dos candidatos. Em Serrinha, a maioria dos que disputam uma vaga para vereador - exatamente 35 pessoas - exerce a função de servidor público. Além disso, 62 (24,31%) candidatos não informaram a sua profissão ao tribunal. Neste aspecto do levantamento, também existem alguns dados curiosos. Dos 249 candidatos a uma vaga na Câmara, 24 (9,41%) são comerciantes, 16 (6,27%) são empresários, um exerce a função de gari, além de 3 (1,18%) que classificaram como profissão o cargo de vereador.

O levantamento do TSE ainda mostra a faixa etária dos candidatos. Para vereador, a maioria dos que pleiteiam o cargo, 61 (23,92%), tem entre 45 a 49 anos, mas Serrinha também possui 2 (0,78%) candidatos acima de 70 anos, além de 5 (1,96%) entre 18 e 24 anos. Já dos três candidatos a prefeito, dois têm entre 41 e 56 e o outro possui 70 anos.

HOMENS PREDOMINAM - Os homens ainda são maioria entre os candidatos. Nenhuma mulher disputa a prefeitura e 81 (32%) são candidatas a vereadora. Já os homens realmente predominam. São 174 (68%) candidatos a vereador e três a prefeito nestas eleições. O levantamento do TSE também revela o estado civil dos candidatos a prefeito e a vereador. A maioria deles é casado. Exatamente 119 (47%) candidatos têm esse estado civil. Ainda de acordo com a Corte Eleitoral, 107 (42%) candidatos são solteiros, 28 (11%) são divorciados e apenas um é viúvo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário