26 de fev de 2015

Alagoinhas: Após atraso nos salários, funcionários de hospital entram em greve

Redação Portal Cleriston Silva PCS 

Os funcionários do Hospital Dantas Bião, em Alagoinhas, a cerca de 109 quilômetros de Serrinha, pararam as atividades nesta quinta-feira (26), por tempo indeterminado, após atraso no pagamento dos salários. Eles alegam que, desde dezembro do ano passado, estão sem receber o devido benefício, quando realizaram uma primeira paralisação, que durou cinco dias.

Segundo Evandro Alves, estoquista do hospital, além dos moradores de Alagoinhas, pacientes de cidades vizinhas também dependem do atendimento prestado pela unidade. "Com a greve, a demanda de atendimento diminuiu e não vai dar conta de todos pacientes, de vários lugares, que são atendidos no Dantas Bião", explica.

O funcionário também assegura que a greve só vai acabar quando os salários forem regularizados. "Estamos na esperança que venham regularizar logo os nossos salários para acabarmos com a greve e voltarmos a trabalhar. Precisamos de uma posição deles", acredita.

Na quarta-feira (25), os funcionários ainda fizeram manifestação no estacionamento do hospital para protestar contra o atraso nos pagamentos.

A empresa Monte Tabor, que administra o hospital, informou que o pagamento dos funcionários ainda não foi realizado porque eles estão aguardando o repasse de verbas da Secretaria Estadual da Saúde (Sesab). No entanto, a Sesab contesta a versão da empresa e afirma que a verba referente ao mês de janeiro já foi repassada.

Licitação - De acordo com a Sesab, o contrato com a Monte Tabor está cancelado e uma licitação está marcada para março para contratar uma nova empresa. Ainda segundo a Sesab, enquanto não acontece a licitação, a empresa responsável pelo Hospital Dantas Bião e pelos pagamentos dos salários dos funcionários continua sendo a Monte Tabor. No dia 7 de fevereiro, o Governo solicitou à empresa que devolvesse a unidade de saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário