11 de abr de 2017

Governo autoriza construção de abatedouro de frango em Conceição do Coité

Redação Portal Cleriston Silva PCS

A Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), assinou no município de Conceição do Coité, no Território do Sisal, nesta segunda-feira (10), o primeiro convênio certificado pelo Serviço de Inspeção Municipal (SIM). A ação visa incentivar a cadeia produtiva da avicultura e potencializar a comercialização de frango caipira no município.

Celebrado entre a CAR e a Cooperativa dos Agricultores Familiares e Grupos de Empreendimentos Solidários (Cooafes), o convênio prevê a construção de um abatedouro de frango caipira, que beneficiará cerca de 350 famílias de agricultores familiares de Conceição do Coité. A iniciativa receberá um investimento de R$ 312 mil.

O secretário da SDR, Jerônimo Rodrigues, esteve presente ao ato de assinatura e destacou a importância do investimento. “O Estado vem ao município de Coité assinar um convênio com uma cooperativa importante, que é a Cooafes, para termos uma boa referência de produtos da agricultura familiar na Bahia”.

Segundo Rodrigues, mais de 700 mil propriedades de pequenos agricultores no estado produzem, em média, 70 mil cabeças de frango em um curto período de tempo. “Isso justificaria abastecermos o mercado interno da Bahia e ainda exportar. Esse convênio gera essa expectativa. São R$ 312 mil para investimentos na parte física, equipamentos, selos e rótulos para empacotamento, além de assistência técnica. A Bahia precisa e nós teremos um abatedouro que produzirá frango orgânico, agroecológico, um frango caipira, que poderá ir para merenda escolar”, acrescentou.

O coordenador da Cooafes, Flaviano Santiago, comemorou a conquista. “Nós sabemos que o abatedouro não irá beneficiar só os cooperados e cooperadas, mas todo município e o Território Sisal. Esse abatedouro será uma oportunidade de trabalho para muitos. As pessoas que estão criando vão poder abater e vender seus frangos e também gerará empregos nesse empreendimento. É um momento de alegria, pois esse será um espaço democrático e comunitário. Hoje, estamos vendo aqui o início de uma nova era de oportunidades de geração de renda em Coité”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário