17 de mai de 2016

Temer cancela construção de 264 unidades do Minha Casa Minha Vida em Alagoinhas

Redação Portal Cleriston Silva PCS

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), revogou na última sexta-feira (17) as portarias n° 173 e 180 da Secretaria Nacional de Habitação, que autorizava a construção de 264 unidades do programa Minha Casa, Minha Vida em Alagoinhas.

A medida adotada pelo governo interino de Michel Temer foi duramente criticada pelo deputado estadual Joseildo Ramos (PT). “É um escárnio. Além de promover um golpe sem precedentes, o presidente em exercício e seus comandados estão dando sinais claros de que irão atacar os direitos dos trabalhadores, ameaçando as conquistas do povo brasileiro dos últimos anos”, afirmou.

A portaria cancelada pelo governo Temer atingiu o Minha Casa Minha Vida – Entidades, operado com recursos do Fundo de Desenvolvimento Social. Para Joseildo, em menos de uma semana de governo Temer, o país vive um retrocesso esperado.

“Extinção da CGU, ameaças ao SUS e à independência do Ministério Público, cancelamento de obras do Minha Casa Minha Vida e tantas outras medidas anunciadas que vão fazer o Brasil retroceder no mínimo 30 anos. Quem apoiou o golpe em Alagoinhas precisará acertar as contas com o povo”, acusou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário