18 de mai de 2016

Presos do Conjunto Penal de Feira de Santana são transferidos para Serrinha

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Presos transferidos são os mais perigosos da unidade
Uma mega operação foi realizada na manhã desta quarta-feira (18), no Conjunto Penal de Feira de Santana, para a transferência de 23 presos para o Conjunto Penal da cidade de Serrinha, que é uma unidade de segurança máxima.

Por segurança, os nomes dos internos transferidos não foram revelados, mas são tidos como os mais perigosos da unidade, de acordo com a 1ª Coordenadoria do Interior (Coorpin/Feira de Santana). “São pessoas envolvidas com o crime organizado, pertencentes a duas facções”, declarou o delegado João Uzzum, coordenador da 1ª Coorpin.

Segundo o delegado, os presos foram transferidos após determinação da Justiça. “A ida deles para uma unidade de segurança máxima já estava prevista desde novembro do ano passado, em razão de questão disciplinar interna”, explicou o delegado, negando que a mega operação tenha sido motiva pelas recentes fuga de integrantes Katiara e tentativas de fugas dos gêmeos que mataram secretário de Santo Estevão. Na semana passada, O diretor geral do Conjunto Penal de Feira de Santana, Clériston Leite, pediu exoneração do cargo e deixou o comando da unidade.

A justiça expediu também mandados de busca e apreensão. Nas celas onde estavam os presos transferidos, a polícia encontrou 22 celulares, facas improvisadas, uma porção de maconha, além de R$ 3.956. “Entre eles, dois trabalhavam na cozinha do conjunto penal e recebiam uma ajuda de custo de poucos mais de R$ 400. Vamos apurar se o dinheiro era fruto do trabalho”, disse o delegado.

Participaram da mega operação 170 policiais. As unidades envolvidas foram: Batalhão de Choque, Cipe Litoral Norte, Batalhão de Guarda, CPRL e Rondesp Leste, 1ª Coorpin, Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), Delegacia do Adolescente Infrator (DAI), Decarga, 1ª Delegacia de Homicídios, Delegacia de Tóxico e Entorpecentes (DTE).

Ação envolveu 170 policiais entre civis e militares em Feira de Santana
Fotos: site Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário