25 de ago de 2017

Quinze vítimas do naufrágio em Mar Grande são identificados

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Foram identificadas pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) quinze das 18 vítimas do naufrágio da lancha Cavalo Marinho I, ocorrido na manhã desta quinta-feira, 24, na Baía de Todos-os-Santos, travessia entre Salvador e Mar Grande.

Até o momento, nove corpos foram liberados do DPT de Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo, quatro estão em necrotérios de hospitais e cinco foram trazidos para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues, em Salvador.

Entre os mortos identificados, estão um menino de 2 anos, dois homens e oito mulheres, segundo informações da Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

Até as 18h, ainda de acordo com a SSP, o IML havia recebido os corpos de 14 vítimas - cinco deles foram encaminhadas à sede, em Salvador, e outros nove à Coordenadoria do DPT, em Santo Antônio de Jesus (distante a 192 km de Salvador).

São eles:

1. Davi Martins, 6 meses;
2. Darlan Queiroz Reis Julião, 2 anos;
3. Dulciana dos Santos Queiroz, mãe de Darlan;
4. Dulcelina Machado dos Santos, avó de Darlan;
5. Laís Pita Trindade, 20 anos;
6. Taís Medeiros Ramos de Sales, 33 anos;
7. Thiago Henrique de Melo Muniz Barreto, 35 anos;
8. Antônio de Jesus Souza, 67 anos;
9. Ivanilde Gomes da Silva, 70 anos;
10. Isnaildes de Oliveira, servidora do TJ-BA;
11. Lucas de Roudeiros Leão, sem idade até o momento;
12. Rita dos Santos, sem idade até o momento;
13. Rosemeire Novaes Carneiro da Costa, sem idade até o momento;
14. Sandra Lima dos Santos, sem idade até o momento;
15. Lindinalva Moreira da Silva, 50 anos

Tragédia - Segundo o comandante Flávio Almeida, do 2º Distrito Naval, 123 pessoas estavam na embarcação. A Marinha do Brasil confirmou a morte de 22 pessoas, mas, no início da tarde desta quinta, revisou o número para 18.

Entre as mortes, está a de um bebê com cerca de um ano, que foi resgatado com vida e morreu na ambulância duas horas após de tentativas de reanimação.

De acordo com a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), 89 pessoas foram resgatadas e atendidas em hospitais e unidades de saúde da região. Não há informações sobre seus estados de saúde.

Clique aqui para curtir nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário