23 de ago de 2017

Governo anuncia liberação de R$ 15,9 bi de recursos de PIS/Pasep inativo

Redação Portal Cleriston Silva PCS

O ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, anunciou a liberação de R$ 15,9 bilhões de recursos do PIS/Pasep que estão inativos. A medida entra em vigor com a assinatura de Medida Provisória assinada nesta quarta-feira, 23, pelo presidente da República, Michel Temer. Segundo Dyogo, oito milhões de pessoas serão beneficiadas e a maioria dos cotistas receberá cerca de R$ 750. Esse dinheiro do PIS/Pasep, de acordo com o ministro, "ajudará na retomada da economia".

Dyogo comentou ainda que o governo vai fazer ampla divulgação de como as pessoas poderão ter acesso aos recursos, "pois muitos esquecem que têm esse dinheiro". Os recursos serão disponibilizados a partir de outubro.

Terão acesso ao saque das cotas do fundo mulheres com 62 anos ou mais e homens com mais de 65 anos. Os recursos, anteriormente, só poderiam ser liberados quando as pessoas completassem 70 anos.

Ele fez questão de citar que este gesto segue o que o governo fez anteriormente com a liberação de contas inativas do FGTS. "Assim como fizemos como FGTS , com a liberação de R$ 44 bilhões de contas inativas, disponibilizamos agora, para ajudar na retomada do varejo", afirmou. Em seu discurso, Dyogo lembrou que, até 1988, as contas do PIS/Pasep eram individualizadas e que estes recursos permitirão ajudar a girar a economia.

Os recursos do PIS/Pasep poderão ser disponibilizados em folha de pagamento das empresas ou de forma automática em conta de depósito, conta poupança ou outra forma de pagamento de titularidade para os cotistas enquadrados nas hipóteses de saque.

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil divulgarão, nas próximas semanas, o calendário de saques dos recursos para os cotistas que atendem aos critérios estabelecidos na Medida provisória.

Clique aqui para curtir nossa página no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário