2 de mai de 2017

Jeremoabo: Jovem que matou namorada é preso e população tenta invadir delegacia

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Acusado colocou fogo na casa da mulher antes de fugir
A polícia prendeu em flagrante na manhã desta terça-feira (2), no município de Jeremoabo, Raul Dias Reis, de 22 anos. Ele é apontado como autor do feminicídio da assessora parlamentar Izabelly Oliveira Bispo Souza, 26 anos, na madrugada desta segunda-feira (1º). Além de matar a vítima com arma branca, Raul também ateou fogo no imóvel logo após o crime. Na delegacia, a população tentou linchar o suspeito.

Segundo a Polícia Militar, por volta das 7h30 desta terça, policiais do 20º Batalhão de Polícia Militar (BPM/Paulo Afonso) receberam denúncia de que o suspeito estaria escondido no povoado Cabeça da Vaca.

Uma equipe foi encaminhada ao local e encontrou Raul com queimaduras no rosto e na perna direita. Ele não resistiu à prisão e foi conduzido para o Hospital Municipal de Jeremoabo, onde foi atendido e medicado, e em seguida levado para a delegacia da cidade.

Por medidas de segurança, Raul foi levado pelas polícias Civil e Militar para delegacia de Paulo Afonso, onde foi feito o registro da prisão em flagrante. "Em meia hora que ele chegou aqui juntou mais de 100 pessoas na frente da delegacia. As pessoas começaram a falar em linchar e, até para segurança dos policiais, tomamos essa decisão de levar ele daqui", comentou um policial que preferiu não se identificar.

Polícia encontrou Raul com queimaduras no rosto, nas costas e na perna direita


A motivação do crime ainda é desconhecida. Segundo a polícia o suspeito tinha um relacionamento com a vítima. Ele será ouvido pelo delegado Ailton José de Souza, titular em Jeremoabo.

Izabelly Oliveira trabalhava como assessora parlamentar. Por conta da morte, o presidente da Câmara de Vereadores, Bino Oliveira, suspendeu a sessão marcada para esta terça-feira (2). Em nota, a casa informou que as atividades foram prorrogadas para terça-feira (9). O corpo de Izabelly foi enterrado nesta segunda (1º).

Nas redes sociais, muitos amigos expressaram seus sentimentos de tristeza com a morte de Izabelly e desejaram força para a família. "Linda minha amiga. Deus que coloque em um bom lugar"; "Deus conforte toda sua família"; "Você vai fazer muita falta amiga e vizinha", foram algumas das mensagens.

O crime - O crime aconteceu por volta das 0h30 desta segunda-feira (1º), na Avenida Paraíba, no bairro José Nolasco. De acordo com o delegado Ailton José, Izabelly foi assassinada com golpes de algum objeto perfurocortante. "Pelas características das lesões foi algum objeto contundente, como uma foice ou um facão", explicou o delegado. Após tirar a vida de Izabelly, o autor do crime pôs fogo na casa. "Ele [o autor] provavelmente estava tentando ocultar o corpo ou dificultar o trabalho da perícia", disse o delegado. O suspeito fugiu logo após o crime.

A cena do crime foi periciada e o corpo de Izabelly foi removido pela Polícia Técnica até o Instituto Médico Legal (IML) de Paulo Afonso, para ser periciado e liberado para o sepultamento. As roupas de Raul, que estavam queimadas, também foram encaminhas para a perícia.

Raul precisou ser escoltado pela polícia até a delegacia de Paulo Afonso para evitar um linchamento
Corpo de Izabelly foi achado dentro de casa incendiada

Nenhum comentário:

Postar um comentário