1 de mar de 2017

Amargosa: Pai é preso suspeito de estuprar e dar remédio para filha não engravidar

Redação Portal Cleriston Silva PCS

A Polícia Civil anunciou no último sábado (25) a prisão de Adriano Oliveira Avelino, de 36 anos. Ele é suspeito de estuprar a própria filha de 15 anos. O suspeito foi flagrado no município de Amargosa, a 220 km de Serrinha, por investigadores da Delegacia para o Adolescente Infrator (DAI) de Feira de Santana.

A titular da DAI/Feira, Daniele Matias, disse que os abusos só foram descobertos depois que a vítima, não aguentando mais a situação, contou a uma tia o que o pai a obrigava a fazer. Segundo a delegada, a adolescente morava com ela, mas nos fins de semana ia para a casa do suspeito, que morava sozinho.

A vítima relatou à delegada que, durante os abusos, chorava muito, pedindo ao pai que parasse, mas ele nunca dava atenção, ameaçando-a com uma faca caso resistisse. Revelou também que Adriano não usava preservativos e que, depois dos ataques, dava a ela um medicamento para tomar e impedir que engravidasse.

A última vez que o pai atacou a filha, de acordo com as investigações foi em setembro do ano passado, quando a adolescente contou tudo à tia. Desde, então, Adriano fugiu da cidade ao saber que havia sido denunciado à Polícia Civil. Durante esse período, o estuprador mantinha-se escondido em Amargosa, onde foi preso na sexta-feira (24).

Nenhum comentário:

Postar um comentário