15 de jun de 2016

Coité: acusado de matar mulher a facadas é condenado a 16 anos de prisão

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Submetido a juri popular na Comarca de Conceição do Coité, na terça-feira (14), Leandro de Jesus Silva, de 26 anos, foi condenado a 16 anos de prisão pelo assassinato da companheira, Aiane Kathiele Souza Reis.

O crime foi praticado em 19 de junho de 2015, na residência da vítima, no Conjunto Habitacional Mário da Caixa. Leandro foi preso dez dias após cometer o crime em Quijingue e, desde então, cumpre pena no Conjunto Penal de Feira de Santana. A vítima foi morta com cerca de dez facadas.

O juiz Gerivaldo Alves Neiva destacou que o condenado foi enquadrado em uma nova figura penal: o feminicídio.

“Um crime incluído na legislação brasileira no ano passado, que é aquele que a mulher é assassinada por sua condição de gênero ou por preconceito e descriminação contra a mulher, ai se diz que nesse caso foi um homicídio qualificado", disse ao Calila Notícias, ressaltando a motivação torpe, "pelo simples fato do ciúme, do comportamento possessivo com relação a companheira". O julgamento reuniu grande público na Comarca local

Nenhum comentário:

Postar um comentário