29 de ago de 2019

Riachão do Jacuípe: Acusados de matar homem por dívida de R$ 300 são condenados

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Eidmar de Jesus Menezes e José Souza Soares Filho foram condenados ontem, dia 27, pelo homicídio qualificado por motivo torpe de Kaio Pereira Oliviera. Eidmar, mandante do crime, foi condenado a 16 anos e sete meses de reclusão e José, o executor, a 12 anos. A tese da acusação, sustentada pelo promotor de Justiça Luciano Medeiros Alves da Silva, apontou como motivo do crime uma dívida que Kaio teria com Edimar no valor de R$ 300,00.

O crime foi cometido no dia 9 de janeiro de 2018 em Riachão do Jacuípe [relembre]. Os acusados teriam chamado a vítima para usar drogas às margens do Rio Jacuípe quando, a mando de Eidmar, José teria atirado contra a vítima, que não resistiu e morreu. Os dois estão presos preventivamente desde 31 de janeiro e cumprirão o restante da pena em regime inicialmente fechado no Conjunto Penal de Feira de Santana, de acordo com a decisão do Tribunal do Juri, presidido pela juíza Carla Graziela Constantino de Araújo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário