8 de jul de 2019

Piritiba: MPF investiga fraude em licitação de mais de R$ 2 mi para transporte escolar

Redação Portal Cleriston Silva PCS

O Ministério Público Federal (MPF) investiga suposta fraude, superfaturamento e outras irregularidades em contrato firmado para prestação do serviço de transporte escolar, entre a Onix Empreendimentos Ltda - EPP e a prefeitura de Piritiba, a 270 km de Serrinha.

O inquérito civil foi instaurado pelo procurador da República, Claytton Ricardo de Jesus Santos, de acordo com portaria publicada na última sexta-feira (5). O contrato, no valor de R$ 2,6 milhões, foi assinado na gestão do atual prefeito, Samuel Santana (PP), em fevereiro de 2017.

Segundo o órgão federal, a denúncia feita pelo vereador Ivan Araújo Barreiros (PSDB), conhecido como Ivan Tatuagem, apontou que houve “fraudes na licitação do Pregão Presencial n° 17/2017, superfaturamento, superlotação e falta de manutenção nos ônibus escolares”.

Em julho de 2017, um adolescente, de 14 anos, morreu após um veículo que fazia o transporte escolar do município ficar sem freio e colidir em uma árvore. O fato aconteceu próximo à Fazenda Barrocão. ​

Nenhum comentário:

Postar um comentário