28 de dez de 2010

Começa cobrança de pedágio de R$ 1,60 na BR-324

Começou à meia noite desta terça-feira, 28, a cobrança de pedágio na BR-324, na praça do município de Amélia Rodrigues, no trecho Salvador-Feira de Santana. O movimento no pedágio é constante, formando filas de veículos pequenos, mas não chega a criar engarrafamentos. No primeiro dia de cobrança, os motoristas criticam as condições da estrada.

O técnico em Eletrônica Mário Xibuta considera a cobrança de pedágio errada. "Sou contra o pedágio em qualquer lugar do país. E aqui, alguns trechos da estrada ainda estão ruins", reclama.

A mesma opinião é acompanhada pelo motorista Carlos Alberto Silva, que trabalha realizando transporte entre as cidades da região. "Faço de três a quatro viagens por dia e vou ter que pagar o pedágio em cada uma delas. Pra mim ficou ruim", afirma.

Já o médico Carlos de Almeida aceita a cobrança, mas exige uma estrada em perfeito estado. "Cobrar o pedágio tudo bem, mas não com a estrada remendada do jeito que está", destaca.

De acordo com a concessionária Via Bahia, que administra o pedágio, o início da cobrança está de acordo com a Deliberação nº 3.608 da Agência Nacional de Transportes Terrestres - ANTT, de 01 de dezembro de 2010, publicada no Diário Oficial da União em 17 de dezembro de 2010. Ainda segundo a empresa, apenas veículos oficiais e devidamente identificados estão isentos da cobrança.

As tarifas básicas no pedágio da BR-324 variam entre R$ 0,80 (motocicletas), R$ 1,60 (automóveis) até R$ 14,20 (caminhões).

BR-116 - Nas mesmas condições da BR-324, a cobrança do pedágio na BR-116, no trecho entre o município de Feira de Santana e o Estado de Minas Gerais, começou no último dia 7 de dezembro. Na BR-116, os preços estão entre R$ 1,40 (motocicletas), R$ 2,80 (automóveis) e R$ 24,90 (caminhões).

A Via Bahia informou, ainda, que o atendimento aos usuários das vias é realizado por meio dos telefones 0800-6000-324, para a BR-324, e 0800-6000-116 para a BR-116.

Fonte: Atarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário