20 de jun de 2018

Alex da Piatã quer acabar com os canudos de plástico na Bahia

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Extremamente nocivos ao meio ambiente, os canudos de plástico poderão ser proibidos na Bahia. A ideia é do deputado e presidente da Comissão da Saúde da Assembleia Legislativa, Alex da Piatã (PSD). O político ingressou com um projeto de lei na Casa que dispõe da obrigatoriedade dos bares, lanchonetes, barracas de praia, ambulantes e similares a fornecerem, somente, canudos biodegradáveis e/ou recicláveis.

Na justificativa, Alex alega que se um indivíduo usar canudos plásticos por 10 anos, será jogado uma média de 3.650 objetos no lixo. “Esses canudos são nocivos para o nosso ambiente, pois eles não são absorvidos pela natureza. Geram sérios problemas e se forem incinerados serão poluentes também. Esse produto não só degrada o meio ambiente, bem como prejudica sobremaneira, a saúde humana”, disse.

O canudinho, por exemplo, representa 4% do lixo de todo o mundo e pode levar até mil anos para se decompor. De acordo com o jornal Nexo, o problema ambiental surgiu quando os canudos passaram a ser feitos de plástico na década de 1950.

Pela legislação apresentada por Alex, quem descumprir a medida será multado em R$ 3 mil e, em caso de reincidência, R$ 6 mil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário