2 de dez de 2018

Comerciantes de Jorro reconhecem atuação da CIPE Nordeste

Redação Portal Cleriston Silva PCS

Empresários do setor do turismo do Jorro (distrito do município de Tucano), famoso pelas águas termais e pelo churrasco de carne de bode, avaliaram positivamente a atuação dos quase dois anos da Companhia Independente de Policiamento Especializado (CIPE Nordeste). A queda no número de assaltos, de acordo com os comerciantes, foi determinante para o aumento do número de visitantes.

Só para se ter uma ideia da atuação da especializada na região, num período de cerca de dois anos (dezembro de 2016 a novembro de 2018): 55 pessoas foram presas em flagrantes, 40 armas apreendidas, 25 veículos roubados ou furtados recuperados e casos de drogas apreendidas somaram 57 ocorrências.

O pernambucano Inácio Pereira há oito anos decidiu investir na região, e atualmente é proprietário do hotel Paraíso das Águas. “A situação do turismo aqui só não está melhor por conta da crise que nosso país enfrenta, e aí o povo está sem dinheiro”, disse Pereira. Para ele, com o início das atividades da CIPE Nordeste, os crimes contra o patrimônio diminuíram muito.

Diálogo - Já a dona do restaurante Manga Rosa, Jordana Farias afirmou que o contato permanente com o comandante da especializada, major PM Wellington Morais, faz toda a diferença. “Esse diálogo é constante e, com certeza, tivemos uma diminuição no número de roubos. Sabemos que isso reflete fortemente no nosso ramo, o turismo”, afirmou a empresária.

Para o major é gratificante saber que os comerciantes do Jorro reconhecem o trabalho da unidade, que completa dois anos de atuação no dia 26 de dezembro. “Toda a tropa está de parabéns por esse trabalho e podemos perceber claramente o crescimento do turismo e da economia aqui”, avaliou o oficial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário