.

.

30 de mai de 2010

Serrinha: lavrador morre atropelado ao tentar atravessar a BR 116

Uma pessoa morreu atropelada na BR- 116 na tarde deste sábado (29), próximo ao posto shalon, saída da cidade de Serrinha para Feira de Santana. A vítima foi o lavrador Martino Souza de Jesus, de 59 anos, que morava na fazenda Tanque do Meio.


Segundo informações ele tentava atravessava a pista com uma bicicleta quando foi atropelado por um ônibus da empresa Gontijo, demais dados ignorados. Ele teve ferimentos na cabeça e nos braços.

Um amigo da vítima que pediu para não ser identificado, estava inconformado com a perda e culpou a falta de sinalização e de barreiras na via que obriguem os motoristas a reduzir a velocidade ao passar pelo trecho urbano, onde muitos moradores passam durante todo o dia. "Aqui não tem uma barreira, um sinal ou quebra-molas. Os carros passam correndo", desabafou.

Segundo os moradores daquela área, os acidentes no trecho acontecem com freqüência. O comerciante Alberto de Jesus, 27 anos, lembra que no início do ano passado três pessoas morreram nesse mesmo trecho.

Segundo o comerciante, não existem placas de aviso para reduzir a velocidade e nenhuma fiscalização para punir os veículos que ultrapassam a velocidade máxima permitida na via que é de 40 km/hora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário