10 de fev de 2010

Polícia retoma negociação com presos rebelados em Serrinha

As negociações com os presos rebelados em Serrinha (BA), foram retomadas na manhã desta quarta-feira (10). O presídio é considerado de segurança máxima. A rebelião teve início por volta das 7h30 de segunda-feira (8). As negociações haviam sido suspensas na tarde de terça-feira (9).

A polícia diz que os presos estão sem água, luz e alimentação. Três detentos são mantidos reféns. O corpo de um preso que era mantido refém e foi morto na segunda-feira não foi liberado e permanece no presídio, segundo o governo.

Os internos querem o retorno ao presídio de Salvador, de onde foram transferidos em setembro do ano passado. Em nota, a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos informou que o pedido de transferência feito pelos presos não será atendido.

Apenas os detentos feitos reféns serão transferidos para a unidade de Feira de Santana, os demais serão redistribuídos por outras alas do presídio de Serrinha. Catorze dos rebelados pertencem, de acordo com o governo, à quadrilha do traficante Cláudio Campana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário